OPINIÃO: 100 MIL MORTOS COM COVID-19. E AÍ SENHORES GOVERNADORES E PREFEITOS?

ale silva 100 mil mortes
É lastimável que alguns órgãos de imprensa e até mesmo uns que se dizem autoridades no tema querer atribuir a responsabilidade pelas cem mil mortes de pessoas  com o Covid-19 ao Presidente da República. Sim, dissemos COM a COVID-19 e não POR COVID-19, o que mais abaixo explicaremos  o porquê.

Para quem já vem acompanhando o desenrolar dos fatos  desta pandemia desde o início já deve ter ciência, porém, não custa lembrar que o STF – Supremo Tribunal Federal – retirou toda a competência de gerir essa crise das mãos do Presidente da República e a transferiu para os Governadores e Prefeitos (vide decisão sobre a ADPF n. 672/20). Ao Governo Federal coube apenas enviar, como de fato enviou,  para os Estados e Municípios as cifras de milhões e milhões de reais para que esses gestores locais investissem na saúde a fim de combater o novo Coronavírus, como a construção de hospitais de campanha, aquisição de novos leitos de UTI, medicações, insumos, etc, valores esses inclusive fora dos limites de tetos PAB – Piso de Atenção Básica e MAC – Média e Alta Complexidade (vide www.transparência.gov.br). Porém, o que a sociedade tem visto é a divulgação de uma enxurrada de ações devido às suspeitas de desvios destes recursos, os quais deveriam estar salvando vidas, mas que sumiram de muitos caixas de Estados e Prefeituras.

Também não se pode ignorar a possível prevaricação de muitas autoridades competentes que dispensaram e ainda estão dispensando, o uso precoce do protocolo da  hidroxicloroquina, cuja eficiência, apesar de contestada por aqueles que têm apenas interesse mercadológico na demanda por outros medicamentos de valores mais elevados, demonstrou o seu resultado idôneo quando utilizado pelo próprio Presidente da República.

Por outro horizonte, ao analisarmos o site www.transparência.registro.org.br e fazermos um levantamento  do número de óbitos do ano passado (2019) para com a média dos meses de março (declaração do início da pandemia no Brasil) até a presente data deste ano, vemos nitidamente que o número de mortos de 2020 não lhe está superior. No nosso entendimento, isso se dá ao fato de que a maioria das mortes que foram declaradas por Covid-19, na realidade, tiveram essa doença como uma causa secundária ou sem qualquer relação com ela, mas que na data de seu óbito, testaram positivo para a doença. Explico: numa de nossas pesquisas, uma Tabeliã de Cartório de Registros Civis declarou que ainda naquela semana tinha registrado um óbito por Covid-19 no respectivo banco de dados, mas que se tratava de um rapaz de 20 anos de idade, que tinha sofrido um acidente de moto e que teve traumatismo craniano. Nitidamente se viu que a sua causa mortis foi “traumatismo craniano”  mas que, por ter testado positivo para a Covid-19 na data do óbito, por uma questão de protocolo, ele passou a fazer parte desta triste estatística.

Em uma outra pesquisa firmada pela subscritora da presente peça que tem formação na área de perícias técnicas e estatísticas, restou claro que o aumento do número de pessoas infectadas pelo novo Coronavírus em boa parte  não se deve ao aumento do número de pessoas adoecidas, mas sim, pela maior disponibilização de testes rápidos para a população no geral aumentando assim  o número de notificações. No início da pandemia, era raro alguém  conseguir testes junto ao mercado. Após uns dois meses de pandemia, esses testes passaram a ser  disponibilizados  em qualquer laboratório de análises clínicas e a preços acessíveis. Logo, pessoas que jamais imaginariam ter tido o vírus ou de estarem com o vírus, os ditos assintomáticos, passaram a ter esse resultado mais facilmente confirmado e em consequência passaram a constar dos respectivos bancos de dados.

Numa terceira pesquisa, chegamos a conclusão também que, os Municípios que têm adotado critérios sanitários mais eficientes junto às unidades públicas de saúde (UPAs, UBS e Hospitais), têm tido os números da doença sob controle. Eis que, segundo a coleta de uma série de relatos e o cruzamento de uma série de declarações, percebemos que o grande foco da Covid-19 está dentro destes empreendimentos e que, impedir que de lá ela se propague para o público em geral, faz toda a diferença para se evitar uma maior crise com o seu contágio.

Diante do exposto, afirmamos  mais uma vez: se alguma responsabilidade pelas mortes ocorridas em pessoas COM a Covid-19 deve ser atribuída a alguém, que  o seja para aqueles Prefeitos e Governadores que por picuinha política ou por falta de capacidade de gestão, ou até mesmo por sua desfaçatez, não tenham feito o uso correto dos milhões e milhões de reais enviados pelo Governo Federal a fim de combater os efeitos desta doença. E não precisa ser um especialista no assunto para se chegar a essa conclusão, os números estão aí junto aos portais de transparências do Governo, de  órgãos de controle e outros órgãos da sociedade civil organizada, só não enxerga quem não quer ver.

Lamento profundamente as cem mil mortes com Covid-19, da mesma forma que lamento as mais de duzentos e quarenta e quatro mil mortes por doenças cardiovasculares no Brasil só neste ano de 2020 (http://www.cardiometro.com.br/), bem como, das mortes por violência, etc. A tristeza pela perda de qualquer ente querido deve ser respeitada, indiferente de sua causa.

Alê Silva  

YEL7C0f - Imgur

Um comentário em “OPINIÃO: 100 MIL MORTOS COM COVID-19. E AÍ SENHORES GOVERNADORES E PREFEITOS?

Adicione o seu

  1. PARABÉNS DEPUTADA ALÊ SILVA CONTINUE COM O SEU TRABALHO DE BEM PARA NÓS OS MINEIROS E PARA TODO O BRASIL , NUNCA SE DEIXE INFLUENCIAR POR ESTES MAUS POLÍTICOS GANANCIOSOS
    , EGOÍSTAS , HIPÓCRITAS , LADRÕES , CORRUPTOS E CORRUPTORES , SABEMOS QUE NÃO É FÁCIL , MAS TAMBÉM NÃO É IMPOSSÍVEL , EU CONFIEI EM
    VOCÊ , VOTEI EM VOCÊ , ARRUMEI VOTOS PARA VOCÊ
    E VOTAREI NOVAMENTE , CONTINUE ASSIM , PULSO FIRME E VOCÊ SERÁ A NOSSA FUTURA GOVERNADOR A DE MINAS GERAIS ▪OBRIGADO ABRAÇO ▪ JESMAR SANTOS

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: