Um crime jamais vai justificar outro

1203Vira e mexe ainda são recorrentes os crimes de pedofilia e estrupo registrados no Brasil. Com uma legislação que precisa ser atualizada, o autor desse tipo de ato, infelizmente, é tratado apenas como um doente mental. E as vítimas tem suas vidas sacrificadas e até banidas com a autorização do aborto, por exemplo.

Assim como eu, você também acredita que precisamos fazer cumprir a Constituição Federal e garantir o direito à vida, independente das circunstâncias?

Adianta sacrificar a vida de um inocente e, as vezes, até duas? Todos nós sabemos que a vítima da agressão, neste caso, já sofreu um dano irreparável.

Em breve, nós deputados, iremos apreciar um projeto de Lei que tramita na Câmara, considerado uma prioridade. Embora o projeto de Lei 3.295/2020 estabeleça o aumento da pena dos crimes contra a dignidade sexual, a proposta está restrita apenas a atos praticados no exercício de atividades ritualísticas ou religiosas, e nós sabemos que as motivações são bem mais amplas.

Estou atenta e apresento a você o meu posicionamento com relação ao assunto, que ganhou grande repercussão depois da condenação de um inocente à morte e o verdadeiro criminoso não pode continuar impune.

Sobre o caso recente da garota de 10 anos, vítima de estupro, tive acesso as informações, e a gestação dela já estava contando com 22 semanas. O absurdo disso tudo é que um médico atestou pela ausência de risco, tanto para a mãe quanto para a bebê que estava para nascer, e autorizou o aborto.

O estrago já estava feito. Por que não salvaram as duas vidas? Será que a nossa ciência não evoluiu o bastante para garantir a saúde física de ambas? Será que os nossos psicólogos não estariam prontos para trabalhar o estado emocional da menina/mãe que de toda forma já está abalado? Por que não amparar as duas crianças? Essas perguntas jamais serão respondidas porque foi mais fácil matar um ser indefeso.

Se a família biológica não estivesse condições de ficar com a bebê, com certeza algum casal estaria pronto para adotá-la.

Um crime jamais vai justificar outro! E você o que pensa a respeito deste assunto? Quero conhecer a sua opinião.

YEL7C0f - Imgur

3 comentários em “Um crime jamais vai justificar outro

Adicione o seu

  1. Aborto é crime e anti bíblico, Deus está acima da ciência e de uma decisão judicial, quem da a vida é Deus, ao Ele pode tirar.

    Paga quem cometeu o crime, não quem não teve culpa nenhuma.

  2. Eu acho que teria que dar, suporte físico e emocional à vítima, para amenizar a dor, e a humilhação, que ela ja sofreu, e não causar mais outro sofrimento!

  3. Na minha opinião uma criança de 10 anos não tem estrutura física e muito menos emocional de levar uma gravidez indesejada e da forma como foi concebida com tanta negligência e violência a diante . O psicólogo e o físico dessa criança já está destruído , pq obrigá-lá a levar a gravidez adiante ? Não seria mais um sofrimento , mais uma culpa na mente inocente dessa criança ?

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Tema: Baskerville 2 por Anders Noren

Acima ↑

WhatsApp chat
%d blogueiros gostam disto: